Não é só papel, é um futuro

Com o Programa Reciclagem de Embalagem, estruturamos uma rede com 1.200 catadores no Brasil e 35 organizações de catadores, entre cooperativas e associações. Eles estão situados de Norte a Sul do país e só se tornam cadastrados no programa depois de uma análise criteriosa de 45 itens, como inexistência de trabalho infantil, segurança e manutenção de equipamentos e uso de EPIs.

Esses grupos de trabalho recebem uma consultoria para auxiliar na profissionalização da gestão das cooperativas. Os profissionais desenvolvem um plano de venda dos papéis, auxiliam no fluxo de produção e na documentação legal e dão orientações para a busca de novos parceiros e, dessa forma, fazer o negócio crescer e os catadores prosperarem. Tudo isso é feito sem custo para as organizações e os catadores.

Com o Programa Dê a Mão para o Futuro, iniciativa da Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPEC), apoiamos as cooperativas com melhorias em infraestrutura dos galpões e doações de equipamentos, acelerando o mercado de reciclagem de resíduos de forma exponencial.

Um passeio fora do comum

Mais de 5 milhões de pessoas em nove cidades viram suas visitas corriqueiras ao shopping se transformarem numa experiência diferente. É que elas passaram pela Conexão Estação Natureza, exposição interativa, sensorial e pioneira que convida o público para embarcar em uma viagem de entretenimento, conhecimento e conscientização sobre a importância do meio ambiente.

Com óculos de realidade virtual, os visitantes conheceram de perto a Reserva Natural Salto Morato (PR), mantida pela Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza. O cinema sensorial proporcionou um espetáculo sobre a interação de todos os seres que vivem em nosso planeta. E games deram um tom lúdico à importância de preservar a natureza.

Essas e outras ações promovidas pela Conexão Estação Natureza nos renderam o Prêmio Chico Mendes 2016, concedido pelo Instituto Internacional de Pesquisas e Responsabilidade Socioambiental Chico Mendes como reconhecimento às ações de mobilização e sensibilização de preservação e conservação do meio ambiente.

Cultura Viva

 

É o Instituto Grupo Boticário o responsável pelo acervo da área de Memória Organizacional e Espaço Histórias do Grupo Boticário, em São José dos Pinhais (PR), que guardam relíquias da nossa história, como as primeiras ânforas de perfumes e fatos ilustrados com as conquistas de quatro décadas. O Espaço Histórias é aberto a colaboradores, fornecedores e públicos estratégicos e recebeu a visita de mais de 9 mil pessoas só em 2016, número 80% maior que em 2015.

Uma das iniciativas conduzida pelo Instituto para incentivar a cultura e a educação é o Teatro de Bonecos Dr. Botica, que, desde 2001, preserva e difunde a arte bonequeira, proporcionando espetáculos no Shopping Estação, em Curitiba (PR). No ano passado, 352 apresentações encantaram mais de 60 mil espectadores. Fora esse espaço, o Instituto gere ainda o Espaço do Olfato, em São Paulo e a Estação Natureza Pantanal em Corumbá, Mato Grosso do Sul, assim como a Conexão Estação Natureza, que já passou por mais de 20 cidades. Essas duas últimas iniciativas contam com a parceria da Fundação Grupo Boticário de Proteção à Natureza.

O mundo da dança também tem a nossa atenção com o programa O Boticário na Dança. Com ele, apoiamos projetos culturais voltados a esta arte como forma de fortalecer a produção cultural do Brasil, formando público e novos talentos. Só em 2016, apoiamos 21 projetos de dança em 14 Estados. E vamos além, o Instituto Grupo Boticário, investe também em projetos sociais e culturais que promovam a transformação da sociedade e do mundo ao seu redor, por meio de nosso processo de Gestão de Patrocínios Incentivados.